Ir para o conteúdo

Reduzir o calor dentro do computador para impedir superaquecimento

  • ImprimirImprimir
Este documento se aplica aos notebooks HP.
O acúmulo de calor pode causar problemas em qualquer computador. Em geral, quando temperaturas dentro do gabinete se elevam acima de 35 graus Celsius (95 graus Fahrenheit), o risco de danificar componentes internos importantes aumenta consideravelmente. A causa mais comum de superaquecimento é o acúmulo de poeira dentro do computador. Os componentes elétricos de um computador geram calor, e as ventoinhas dentro dele ajudam a circular o ar para manter os componentes nas temperaturas de funcionamento normais. A refrigeração inadequada pode resultar em superaquecimento dentro do gabinete, o que pode danificar componentes. O som da ventoinha funcionando constantemente pode ser o primeiro sinal de que o computador não está funcionando com toda a eficiência possível e que você pode ter um problema com sujeira acumulada nas aberturas de ventilação.

Assistir um vídeo sobre como reduzir o calor dentro do computador

Sintomas de problemas de calor e causas do aquecimento excessivo

A lista abaixo relaciona alguns problemas causados pelo superaquecimento no computador:
  • Os jogos param de responder quando em execução.
  • O Windows para de responder enquanto em uso.
  • As ventoinhas no interior do computador emitem ruídos mais altos porque estão girando mais rápido para remover o calor.
  • Ao inicializar o computador, ele costuma parar na tela preta e não abre o Windows. O Windows costuma parar de responder quando é aberto.
  • O mouse e o teclado param de responder.
  • Windows 8, 7, Vista, XP – O computador reinicia inesperadamente ou exibe uma mensagem de falha.
    Windows 95, 98 e Me - Mensagens de erro do tipo "Exceção fatal frequente", "Operação ilegal" ou "Falha na proteção geral" ocorrem em vários programas.
    Nota:Esses erros não são previsíveis. Se esses erros ocorrem somente em um programa, o problema, provavelmente, está relacionado ao software e não ao calor.
A lista abaixo relaciona algumas causas de calor excessivo:
  • Poeira dentro do computador.
  • Um componente novo, como uma unidade de disco rígido, foi adicionado. O componente extra faz a fonte de alimentação trabalhar mais e gerar mais calor. Calor extra também irradia do novo componente, aumentando a temperatura dentro do gabinete.
  • Algumas ventoinhas de resfriamento podem perder a agilidade e se desgastar com o tempo, dependendo do uso do computador.
  • Temperatura ambiente alta.

Etapa 1: Remover poeira e fiapos limpando as aberturas de ventilação

Os notebooks têm saídas de ar na base e nas laterais, para permitir que o ar flua pelo gabinete. Se essas saídas de ventilação ficarem obstruídas ou as peças que geram calor ficarem cobertas de poeira, a ventoinha não poderá resfriar os componentes adequadamente e o superaquecimento pode se tornar um problema. O acúmulo de fiapos e poeira evita que o ar flua pelas aletas de resfriamento e força a ventoinha a trabalhar mais. Se houver poeira nas saídas de ventilação, limpe o computador, soprando a poeira dos arredores da ventoinha e da proteção térmica. Isso evita que a poeira se acumule.
Figura 1: Acúmulo de poeira
Imagem de componente empoeirado
Figura 2: Acúmulo de poeira em torno da ventoinha
Imagem do acúmulo de poeira ao redor da ventoinha
Cuidado:Certifique-se de que o computador esteja desligado e que o adaptador CA esteja desconectado antes de aplicar o ar comprimido, para evitar danos ao notebook.
Use uma lata de ar comprimido (um aspirador na função soprar ou um secador de cabelo no modo de ar frio também podem ser usados, embora a lata de ar comprimido seja mais apropriada para essa tarefa) para remover a poeira das saídas de ar do computador e evitar o superaquecimento. Remover a poeira aumenta o fluxo de ar, melhorando a refrigeração, e permite que a ventoinha opere de forma mais silenciosa.
As aberturas de ventilação estão localizadas em vários lugares, dependendo do modelo do computador. É possível identificar as aberturas de ventilação procurando por aletas cobre ou pretas dentro das aberturas de ventilação. Você também deve soprar ar comprimido em outras aberturas, como a entrada de ar da ventoinha, para manter o ar em circulação e evitar que a poeira se acumule nos componentes.
Figura 3: Saída de ar lateral
Imagem de uma saída de ar lateral
Figura 4: Saída de ar traseira
Imagem de uma saída de ar traseira
Fazendo essa limpeza periodicamente como medida preventiva, você pode reduzir bastante a possibilidade de danos aos componentes e evitar que o desempenho do computador fique mais lento.

Etapa 2: Assegurar espaço adequado para ventilação

Para reduzir a possibilidade de problemas de superaquecimento, certifique-se que as ventoinhas em seu computador conseguem ventilar corretamente. A ventilação adequada do sistema é importante para a operação da estação de trabalho. Siga estas orientações para garantir a ventilação adequada:
  • Sempre deixe o computador na posição vertical e em uma superfície de trabalho plana e firme.
  • Deixe pelo menos 15,25 cm (6 pol.) de espaço em torno de cada abertura de ventilação.
  • Se o computador estiver sendo usado em altitudes muito altas, acima de 1.500 metros (5.000 pés), tome cuidado extra para manter o computador refrigerado. O limite máximo de 35 graus Celsius (95 graus Fahrenheit) cai 1 grau Celsius (~34 graus Fahrenheit) a cada ~300 metros (1.000 pés) de altitude.

Etapa 3: Use a tecnologia HP CoolSense

A tecnologia HP CoolSense pode modificar temperatura do seu computador notebook usando o sensor de movimento para determinar se o computador está sendo usado em um ambiente estacionário ou móvel. Usando essas informações, ela ajusta automaticamente o desempenho do computador e a velocidade de ventoinha para manter o computador refrigerado. É possível configurar o software HP CoolSense com suas especificações. Para mais informações sobre como isso, consulte PCs notebook HP - Tecnologia HP CoolSense

Etapa 4: Colocar o computador em um aposento mais fresco

Se seu computador superaquecer, coloque-o em uma sala mais fresca. Uma pequena diferença de temperatura pode ser suficiente para impedir a falha de um componente. Coloque o computador em uma sala mais fresca, em casa ou no escritório. Se não for possível, passe para a próxima etapa.

Etapa 5: Testar falha de hardware

Se os problemas de superaquecimento continuarem após a limpeza das saídas de ar e de mover o computador para um aposento mais fresco, um componente de hardware pode estar danificado. Teste o computador para observar se há alguma falha de hardware, como memória, processador ou hardware gráfico. A maioria dos notebooks HP e Compaq possui software de diagnóstico para verificação de falhas de hardware. Para mais informações, consulte Testar falhas de hardware (Windows 8) , Testar falhas de hardware (Windows 7) ou Verificar o notebook usando a Verificação de integridade do sistema HP para computadores notebooks executando Windows Vista.
Se houver falha de hardware, substitua o componente com defeito ou Fale com a HP para obter assistência adicional.

Consulte também

Links de suporte relacionados

Fóruns de suporte HP

Encontre soluções e colabore com outras pessoas no Fórum dos usuários HP
HP PortugalHP PortugalHP PortugalHP no YouTube